Notícias

Leia mais:Presídio de Rio do Sul começa colheita de alimentos da horta da unidade

No Presídio de Rio do Sul os internos estão fazendo a primeira colheita de hortifrúti da unidade. O que começou com uma plantação de árvores frutíferas do tipo citrus, em julho de 2019, foi adaptado em setembro, para receber milho, melancia, aipim, batata doce, feijão, abóbora e tomate. Na semana passada, 400 espigas milho verde foram colhidas pelos internos e nesta quinta-feira (16), melancias, entre elas uma pesando 16 quilos.

Toda a produção é utilizada na elaboração das refeições dos internos. “Essa ação está alinhada com a política prisional de ressocialização visto que temos apenados trabalhando desde o início do projeto com a preparação do sol, plantio e agora o início da colheita”, observa o gestor da unidade, Eduardo Weber Xavier.

A nutricionista da unidade, Maíra Bolduan, reforça que consumir alimentos que vem da horta da unidade garante uma refeição saudável para os internos.
Além dos legumes e frutas, na horta também são plantados temperos, como salsinha, cebolinha, orégano e manjericão. Até o momento, as culturas plantadas em setembro renderam 412 quilos de alimentos: 77 quilos de tomate, 82 quilos de batata doce, 23 quilos de repolho, 30 quilos de rúcula, 20 quilos de abóbora moranga, 167 quilos de melancia, 13 quilos de feijão vermelho e 400 espigas de milho.

O pomar

O plantio de alimentos na unidade começou a ser concretizado quando um dos internos, que é técnico agrícola, utilizou de seus conhecimentos na desenvolver um pomar no Presídio de Rio do Sul. Na primeira etapa, iniciada em 2019, foram plantadas 164 mudas de laranja, limão e tangerina. As variedades foram escolhidas

As espécies foram selecionadas considerando as demandas da unidade e período de frutificação, a fim de garantir frutas o ano inteiro.

Leia mais:Presídio de Rio do Sul começa colheita de alimentos da horta da unidade

Leia mais:Presídio de Rio do Sul começa colheita de alimentos da horta da unidade

Leia mais:Nota de Pesar

A Secretaria de Administração Prisional e Socioeducativa (SAP) e o Departamento de Administração Prisional (Deap) informam, com pesar, o falecimento do Agente Penitenciário Francisco de Assis Goss, 62 anos, que trabalhava na Penitenciária da Região de Curitibanos. Chico, como era conhecido entre os colegas, trabalhou por mais de 30 anos no sistema prisional catarinense. Que Deus conforte o coração de familiares, amigos e colegas de trabalho neste momento de dor.

Leia mais:Nota de Pesar

A Secretaria de Administração Prisional e Socioeducativa (SAP) e o Departamento de Administração Prisional (Deap) informam, com pesar, o falecimento do Agente Penitenciário Milton Alberto dos Santos, ocorrido nesta terça-feira (14), em Florianópolis. O Agepen Milton Alberto dos Santos tinha 67 anos e por mais de quatro décadas prestou serviços relevantes no Hospital de Custódia e Tratamento Psiquiátrico (HCTP), na Capital. Ele foi sepultado nesta quarta-feira (15), no Cemitério da Irmandade Nosso Senhor dos Passos, em São José. Que Deus conforte o coração de familiares, amigos e colegas neste momento de dor.

Sub-categorias

Departamento de Administração Prisional

Rua Fúlvio Aducci, 1214, 6ª andar, Estreito,

Florianópolis - SC - CEP 88.075-000.

Telefone: (48) 3665 7310  - Horário de atendimento das 12:00 às 19:00 horas.

JSN Boot template designed by JoomlaShine.com